Seu navegador não suporta javascript!

EPL - Empresa de Planejamento e Logística S.A.
Empresa de Planejamento e Logística S.A.

Voltar para: Página Inicial ImprensaImprensa NotíciasNotícias Página InicialPorto de Itajaí: EPL apresenta cronograma de estudos ao Ministério da Infraestrutura
Quem Somos
Acesso à Informação
Produtos
Governança
Imprensa
Fale Conosco

Porto de Itajaí: EPL apresenta cronograma de estudos ao Ministério da Infraestrutura

10 de novembro de 2020

Porto de Itajaí: EPL apresenta cronograma de estudos ao Ministério da Infraestrutura

Na tarde desta terça-feira (10), a Empresa de Planejamento e Logística (EPL) participou de reunião de kick-off do projeto de desestatização do Porto de Itajaí, em Santa Catarina. Participaram do evento autoridades do Ministério da Infraestrutura e do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI).

Embora a reunião marque o lançamento oficial do projeto, a EPL já promove as etapas iniciais dos estudos desde o primeiro semestre deste ano. A estatal apresentou o andamento dos estudos e o cronograma que está sendo seguido, que prevê o leilão para 2022.

O trabalho indicará qual o modelo de negócios mais apropriado para o Porto de Itajaí. A desestatização prevê diversas formas de exploração de um bem e ainda não está definido qual será utilizada para o leilão.

Na primeira fase do projeto, a EPL realizou a avaliação preliminar do empreendimento. O trabalho de análise de dados e coleta de informações sobre os principais mercados em que o porto está inserido, os competidores e históricos de movimentação.

Durante o encontro, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, ressaltou que esse é um dos projetos prioritários para a pasta. Para Freitas, a experiência da EPL e aceitação dos projetos da empresa pelo Tribunal de Contas da União contribuem para a celeridade dos trabalhos para desestatização do Porto de Itajaí.

“A EPL precisava desse tipo de desafio e se deparar, pela primeira vez, com os estudos de desestatização de uma empresa.  Nós temos tido um desempenho muito satisfatório, mas na área de arrendamentos e concessões. (...) Essa estruturação da desestatização de Itajaí é um marco”, disse Freitas.

Para o diretor-presidente da EPL, Arthur Lima, a empresa tem feito entregas importantes e atua em grandes projetos que transforam a infraestrutura do país.

“A EPL tem cumprido fielmente o cronograma dos estudos para o Porto de Itajaí e fará as entregas conforme o previsto. Trabalhamos para entregar os arrendamentos, concessões e projetos de desestatização que farão o Brasil decolar”.