Seu navegador não suporta javascript!

EPL - Empresa de Planejamento e Logística S.A.
Empresa de Planejamento e Logística S.A.

Voltar para: Página Inicial ImprensaImprensa NotíciasNotícias Página InicialUtilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros
Quem Somos
Comissão de Ética
Estatuto Social Galeria de Diretores
Gestão de Pessoas
Lei Nº 12.743 - Criação da EPL Missão, Visão e Valores Estrutura Organizacional
Rol de Responsáveis
Colegiados (COAUD, CONFIS e COELE)
Regimento Interno Regulamentos Internos
Acesso à Informação
Produtos
Governança
Imprensa
Transparência e Prestação de Contas

Utilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros

14 de abril de 2022

Utilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros

Na última semana, representantes da Empresa de Planejamento e Logística (EPL) fizeram uma série de visitas técnicas em portos localizados no norte do Chile para avaliar o potencial da região para a atrair produtos brasileiros. Os dados obtidos durante a viagem serão utilizados para consolidação do Diagnóstico Logístico do Mato Grosso do Sul, produto desenvolvido pelo Observatório Nacional de Transportes e Logística (ONTL) da EPL para o estado sul-mato-grossense.

A equipe da EPL percorreu os portos de Antofagasta, Mejillones, Angamos e Tocopilla. A eficiência da infraestrutura local para receber novas cargas e atrair investimentos foi um dos pontos constatados durante as visitas.

Em uma série de reuniões com representantes dos setores público e privado do Chile, foi discutida a importância da integração da infraestrutura dos países da América do Sul para a formação de novos fluxos de comércio e investimentos. A proposta do Corredor Rodoviário Bioceânico possibilita a conexão entre o norte do Chile, o noroeste da Argentina, a região do Chaco, no Paraguai, e o Centro-Oeste do Brasil.

Exportações

O levantamento feito pela EPL mostra que a utilização de portos localizados no norte de Chile para exportar a produção do Mato Grosso do Sul para a Ásia pode reduzir os custos logísticos em mais de 20%. Além da diminuição de custos logísticos, a rota entre o Chile e a Ásia pode ser feita em 28 dias, 12 dias a menos do que no transporte feito pelo Oceano Atlântico – uma queda de 30% no tempo de viagem.

Concessões      

Ao longo dos últimos anos, a EPL se estabeleceu como referência para desenvolvimento de estudos para a concessão de ativos portuários à iniciativa privada, com projetos que resultaram em mais de 30 terminais leiloados. Segundo o diretor-presidente da estatal, Arthur Lima, essa expertise pode ser aproveitada em projetos para o Chile.

“A EPL possui todas as condições de desenvolver estudos para criar uma modelagem para a concessão de portos no Chile. O alinhamento com empresários e governantes do país permite que a EPL possa estruturar projetos da mais alta qualidade”, destacou.

Galeria

  • Utilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros
  • Utilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros
  • Utilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros
  • Utilização de portos do Chile pode reduzir custos logísticos de produtores brasileiros


  • Edifício Parque Cidade Corporate - Torre C,
    SCS Quadra 9, Lote C, Torre C - 7º e 8º andares
    Brasília - DF - 70.308-200
  • + 55 (61) 3426-3850
    + 55 (61) 3426-3743
  • institucional@epl.gov.br