Seu navegador não suporta javascript!

EPL - Empresa de Planejamento e Logística S.A.
Empresa de Planejamento e Logística S.A.

Voltar para: Página Inicial ComunicaçãoComunicação NotíciasNotícias Página InicialEPL recebe “selo de qualidade” de gestão governamental
Seminário “A CONTRIBUIÇÃO DO OBSERVATÓRIO NACIONAL DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA PARA O PLANEJAMENTO DO SETOR DE TRANSPORTE”
Acesso à Informação
Institucional
Atividades Finalísticas
Legislação
Comunicação

EPL recebe “selo de qualidade” de gestão governamental

15 de maio de 2018

EPL recebe “selo de qualidade” de gestão governamental

A Empresa de Planejamento e Logística (EPL) foi certificada com o nível 2 do indicador de governança do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, o IG - SEST.

O resultado foi divulgado na manhã da última sexta-feira (11), no evento 2ª Certificação do Indicador de Governança IG-SEST.

Considerado um “selo de qualidade” de gestão governamental, o indicador IG-SEST realiza o acompanhamento contínuo da governança nas empresas estatais.

A nota obtida pela EPL é resultado do cumprimento de requisitos definidos pelo Ministério em uma metodologia composta por itens de avaliação de Gestão, Controle e Auditoria, Transparência das Informações e Conselhos, Comitês e Diretoria.

Entre os 45 itens avaliados para a emissão do certificado, a EPL obteve destaque em requisitos como adequação do Estatuto Social às exigências legais, elaboração do Plano Anual de Auditoria Interna - PAINT, divulgação do Código de Ética e Conduta da EPL e criação de Comitês como de Elegibilidade e de Auditoria.

Para cumprir com os requisitos de conformidade, a Assessoria de Organização e Estratégia da EPL realizou um plano de ação para que os objetivos fossem alcançados com sucesso.

Segundo o diretor-presidente da EPL, Jorge Bastos, o trabalho final foi construído por todos da empresa.

“A colaboração e participação de todos é importante para continuarmos a cumprir esses pontos. Vamos ter atenção no que ainda precisa ser atendido para estarmos em consonância com a Lei das Estatais”, disse.